Leitura pra ficar de olho: Aviador

Olá!

Esse mês dei uma engatada (ui!) legal num livro de um escritor que aprendi a gostar no final da minha adolecência: Eoin Colfer, autor da muito boa série Artemis Fowl, ao qual recomendo fortemente pra quem é fã de Harry Potter e afins.

Confira a sinopse e a capa desta bela obra – Aviador (Airman, 2008):

“Conor nasceu para voar. Ou, mais precisamente, nasceu voando. Em uma era de descobertas e invenções, muitos sonhavam em voar, mas para ele isto era mais do que um sonho: era seu destino. Em uma noite sombria, uma traição cruel e astuciosa destrói sua vida e rouba seu destino. Agora, Connor precisa ser o primeiro a conseguir alçar voo, para salvar a família e corrigir um terrível engano.”

Já li a série Artemis Fowl praticamente inteira (só esperando sair o último lançamento em português), o solo A lista dos Desejos e sua adição a série O Guia do Mochileiro das Galáxias com o livro E Tem Outra Coisa…, são todos ótimos! O cara escreve muito bem, narra uma boa aventura com maestria! E com Aviador não foi diferente.

Conor Broekhart é uma criança super inteligente (Lembrei de Artemis na hora – Seria ele um ascendente?) no final do século 19, onde o pano de fundo encaixa perfeitamente com um ritmo que beira o steampunk. Diferente de suas obras anteriores, não há uma gota de mágica nem de sobrenatural, apenas física, ciência e boas lutas de espadas (e, acredite, isso é bom)!

Aventura do início ao fim, o livro começa com uma pegada interessante onde achamos ser apenas uma história de um garoto com um forte desejo de voar, mas que sofre uma reviravolta dramática em sua vida e literalmente vê seus sonhos e esperanças voarem pelo ar (não podia perder essa, né).

Não vou fazer nenhum spoiler, mas o ritmo acelerado do livro (que é muito bem trabalhado) me deu a impressão que em certos momentos o autor precisou cortar certas partes ou, ao menos, poderia detalhar mais algumas delas. Não sei se não queria fazer um livro muito grande (Afinal, termina com 448 páginas), mas em dois momentos do livro senti uma passagem de tempo muito rápida, uma perto do final e outra no próprio final, onde esperava uma cena mais dramática e épica, mas não se engane, continua sendo um ótimo final, que facilmente poderia ter um gancho para uma continuação.

Enfim, curti muito, devorei-o como a muito tempo não fazia com um livro! Recomendo fortemente!

Links e sites relacionados:

Site oficial do autor aqui e sobre o livro supracitado aqui.

Wiki americano sobre Eoin Colfer aqui e sobre Aviador aqui.

Resenhas do site Sobre Livros aqui e do blog Geeks and Comics aqui.

Fica a dica!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s