4

Visite a Vila St. Gallen (e tome ÓTIMOS chopps e cervejas)!

No último final de semana resolvemos colocar em prática nosso já pensado plano de subir a serra e conhecer o local responsável pelas cervejas St. Gallen e Therezópolis (e em breve uma versão 600 ml da Sul Americana). Estamos falando da Vila St. Gallen, espaço criado para reproduzir uma vila germânica e toda a sua beleza em torno da cultura cervejeira.

Agendamos nosso Biertur para o sábado. Encontramos facilmente o local, que ficava perto da pousada onde estávamos hospedados. Vejam a beleza do lugar:

O atendimento é também algo a se ressaltar. Além de muito bem caracterizados, os funcionários são muito bem treinados, atenciosos e educados com os clientes. Isso sem dúvida torna a experiência melhor. Durante o tour, visitamos os espaços da vila, conhecemos a história da família que levou a cultura cervejeira para Teresópolis e vimos o local onde algumas das cervejas são produzidas.

O tour em sí custa R$ 25 por pessoa e inclui a degustação de dois chopps e este ano, por estar completando 100 anos, a cervejaria dá uma taça maneira da cerveja Therezópolis Gold com rótulo de comemoração. Os chopps são fantásticos e a taça é linda. Ah, além da pessoa que te acompanha pela vila inteira contando vários detalhes, muito interessante! Mas nada te impede de apenas entrar, conhecer e consumir por você mesmo! 😉

Após a degustação, sentamos no salão principal, chamado de Bierfest para o almoço. O cardápio feito pela chef Aline Nascimento é todo harmonizado com as cervejas da casa e sem dúvida é um espetáculo a parte. Dentre outros, provamos um joelho de porco delicioso! Desmanchava na boca!

A vila conta ainda com uma capela (pequena, mas linda), uma loja de souvenir, uma cafeteria, atelier e um quiosque onde é possível encontrar queijo de cabra produzido na região e doces caseiros.

Toda a decoração é feita pra te dar sensação de estar em uma vila europeia e com o clima frio da cidade, o cenário cumpre o seu papel.

Além das maravilhosas cervejas St. Gallen e Therezópolis já conhecidas por nós, tivemos prazer experimentar a Therezópolis Ebenholz e os chopps da casa, com incrível aroma e sabor diferenciado da cervejas. Fica difícil até de descrever. Simplesmente fantásticos!

Da cervejaria faltou aproveitar dois espaços que serão inaugurados no final deste mês, um restaurante em estilo francês e outro para fondue. Então precisamos fazer o sacrifício de voltar à Vila St. Gallen. Ah, que chato! 😀

Visitem! Vale a pena cada centavo e minuto empregados!

Onde: Rua Augusto do Amaral Peixoto, 166, Alto – Teresópolis – RJ – Tel.: 21 2642-1575

Como chegar: Tem uma rodoviária Teresópolis lá! Depois, só pegar um ônibus em direção ao Bairro Alto que se acha facinho depois! #quem-tem-boca-vai-roma-e-toma-cerveja-boa

Por quanto: Olha, te falar que não é tãaaaao barato assim. Mas lá vale aquela máxima: Você paga o que você recebe. Fato.

Artigos e sites relacionados:

Site oficial da Vila St. Gallen aqui.

Post da Enoteca sobre o local aqui e opiniões no Kekanto aqui.

Facebooks aqui, Twitter aqui e Foursquare aqui.

Fica a dica!

Anúncios
0

Cervejas do meu mundo afora: St. Gallen Stout Porter

Já que o sol deu uma trégua, resolvemos compartilhar com vocês uma das nossas últimas experiências cervejeiras: St. Gallen Stout Porter.

Ótima cerveja escura. A garrafa é uma beleza por si só e o conteúdo que guarda é ótimo, valendo a pena apreciar cada gole. Com 8% de teor alcoólico distribuídos em 750ml, esta representante da família St. Gallen tem sabor levemente adocicado em comparação a outras cervejas do tipo e harmoniza muito bem com carnes, chocolate e queijos variados. O amargor dela é bem leve, tornando-a uma boa opção para os que não curtem tanto o tipo que, afinal, é stout ou é porter? o_O.

Vamos torcer para o clima continuar ameno e daí você pode experimentar melhor essa excelente cerveja.

Artigos e sites relacionados:

Página oficial da St. Gallen aqui.

Página do Facebook da cervejaria aqui, Twitter aqui e Foursquare aqui.

Informações do Brejas sobre esta ótima cerveja aqui.

Opinião do Bebendo Bem sobre a escolha do nome “Stout Porter” aqui.

Fica a dica!