Onde não comer ou comprar – O casamento – Mansão Vila de Noel

Então pessoal, como alguns de vocês já devem ter notado, o blog é mantido e alimentado por um casal: Daniel e eu (Carol). Já faz algum tempinho que estamos juntos e tal, pensamos no futuro e em passá-lo juntos. Partindo deste princípio Daniel me pediu em casamento e eu aceitei. #todascomemoram \o/\o/\o/\o/\o/\o/

Agora que estão ambientados, vamos ao que interessa!

Como pretendemos fazer uma festa legal, saímos em busca de serviços que tornem possível nossa intenção de compartilhar a felicidade com amigos e família.

Enviamos mil pedidos de orçamento, pra todo tipo de lugar e serviço. Marcamos de conhecer duas casas de festa no sábado passado (24/08/2013). Uma bem perto da nossa casa, a Palladium Festas e Eventos, que gostamos bastante pelo espaço e serviços oferecidos. Os preços eram esperados dado o evento e a indústria do casamento, mas falamos disso depois.

A segunda casa de festa do dia foi a Mansão Vila de Noel, no Grajaú. #tensosodelembrar

Chegamos lá e a pessoa que nos atendeu não sabia/lembrava que tinha marcado uma degustação conosco, mas beleza. Pediu que esperássemos que ela ia nos atender e isso demorou muito, muito mesmo. Enquanto aguardávamos aproveitamos pra dar uma volta pelo espaço. Nossas primeiras impressões foram:

– Local com cheiro de mofo. Como não tem janelas, se o ar não estiver ligado fica complicado respirar com conforto lá dentro;

– Material utilizado na decoração não é assim uma Brastemp;

– Funcionários com pouco preparo para lidar com os clientes;

– Banheiros deixam a desejar. Principalmente os masculinos;

Nota: O local possui dois salões de festa com entradas independentes e que comportam duas festas ao mesmo tempo. Não sabemos se corre tudo bem durante as festas simultâneas, mas é preciso muito preparo para isso.

Em um dos salões, onde parecia estar programado um casamento, encontramos três baratas. Isso mesmo, BA-RA-TAS. Duas passeavam tranquilamente pelo chão, a terceira apareceu em uma cadeira enquanto degustávamos os salgados e conversávamos com a atendente. Ela, não fez cerimônia e matou a pobre da barata  a chineladas durante nossa conversa. Nem precisamos dizer que rolou um super nojo em comer no lugar…

…Mas comemos assim mesmo, porque precisávamos saber se valiam a pena. Além do mais, a atendente já tinha pedido pra cozinha do lugar…

Os salgados são realmente bons, não sabemos sobre o restante dos comes e bebes, mas depois da presença das baratas decidimos ficar sem saber.

No final de tudo esperamos pra saber o precinho do lugar. A surpresa foi descobrir que é quase tão caro quanto a primeira casa de festa que fomos, onde tudo estava direitinho e bonitinho. Definitivamente não vale a pena. Casamento é muito caro e único pra investir em um lugar assim.

Lembrete: Esta é apenas a nossa opinião! De qualquer maneira, se você estiver procurando, é melhor você ir e comprovar com seus próprios olhos. Vai que você vai num dia bom, ou num futuro onde eles mudaram algumas coisas na casa? Pode ser bom, pode ser… Não, me traz um guaraná mesmo, por favor! 😉

A busca por um serviço que tenha bom custo/benefício continua e voltamos contando nossas experiências no mundo dos casamentos. 😉

Fica a dica!

Anúncios

2 comentários sobre “Onde não comer ou comprar – O casamento – Mansão Vila de Noel

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s